Tubos de Cobre - Conexões de Cobre e Bronze

Os Tubos de Cobre sem costura e as Conexões de Cobre e Bronze são utilizados para as seguintes aplicações: Instalações Hidráulicas (Água Quente e Água Fria), Instalações de Combate a Incêndio (Hidrante e Sprinkler), Instalações de Gás Combustível e Medicinal e Instalações Industriais. ELUMA

O cobre é um dos metais mais resistentes e apropriados à condução de água e outros fluidos.
Porém, a falta de observância de normas técnicas corretas quando de sua instalação e utilização, assim como a falta de cuidados no seu manuseio e armazenamento e a sua exposição a agentes agressivos, inclusive água de mina, de poço ou de abastecimento público, que não tenha o tratamento adequado, poderão comprometer a boa resistência e durabilidade que dele se espera. Observe corretamente as normas de os instalação pertinentes constantes das NBRs n 5626, 7198, 10897, 11720, 13206, 13932, 13933, 13714 e 14570, expedidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT.

 

Conexões de Cobre e Bronze - Soldáveis

Luva

Cotovelo
Luva Passante.

Conector

Bruha de Redução
Curva de Transpos.

Luva p. fixo / L. Guia

Cotovelo
Conector

Cotovelo

Bucha de Redução
Curva 45º

Juntas de Expansão

Flange


União

Flange Curta
Tê com RF Central

União

Tê - RC de Redução
União

Tê com Red. Cebtral

Tê 45º
Tê com Red. Lateral

Tê Dupla Curva

Tampão


Suporte de Tubos

Suporte de Tubos
Suporte de Tubos

Conexões de Cobre e Bronze - Rosca X Rosca

Bucha

Cruzeta
Niple Duplo

Cotovelo

Curva 45º
Plug

Cotovelo com Red

Luva de Redução


Cotovelo 90º

Luva
Tê Red. Central

Pronlongador Longo

Pronlongador Médio
Pronlongador Invert.

União

 

Conexões de Elumaplast

Cotovelo Azul

Tê Azul
Luva Azul

Conexões NPT

Conector

Tê Rosca Fem. Central
Cotovelo

Conector

União
Cotovelo

 
Processo de Soldagem

Observe com atenção a sequência do processo de soldagem do tipo branda e siga as recomendações para garantir perfeita estanqueidade e resistência igual ou maior que a resistência do próprio tubo.


1- Corte o tubo no esquadro. Escarie o furo e tire as rebarbas


2- Use plha de aço ou mesmo uma escova de fio para limpar a bolsa da conexão e a ponta do tubo

3 - Com o pincel, aplique o fluxo para solda na ponta do tubo e na bolsa da conexão, de modo que a parte a ser soldada fique revestida pelo fluxo. Evite excesso.

4 - Aplique a chama sobre a conexão para aquecer o tubo e a bolsa da conexão, até que a solda derreta quando colocada na união do tubo com a conexão

5 - Retire a chama e alimente com solda um ou dois pontos, até ver a solda correr em volta da união. A quantidade correta de solda é aproximadamente igual ao diâmetro da conexão: 28mm de solda para uma conexão de 28mm. Obs: A aplicação da solda é feita somente pra conexões sem anelde solda.

6 - remova o excesso de solda e fluxo com um pano seco enquanto a solda ainda permitir, deixando um filete em volta da união

Precauções: Não resfriar com pano úmido ou água no término da soldagem. O resfriamento deve ser natural em temperatura ambiente.